Impostômetro

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo

São os votos do Blog Cipriano Medeiros, que em 2011 você consiga atingir todos os objetivos e metas! Bons Negócios, seja bem vindo 2011!!!

Comércio eletrônico cresce mais de 40% no Natal deste ano

Melhor época do ano para o varejo comum, com aumento de 15% no faturamento, segundo pesquisa da Serasa Experian, o Natal também foi interessante para o comércio eletrônico. Segundo pesquisa realizada pela E-Bit, empresa especializada em informações de e-commerce, as vendas de final de ano cresçeram mais 40% em relação a 2009, com faturamento acima de R$ 2,2 bilhões em todo o país. No Rio Grande do Norte a tendência também é de crescimento.

Só para se ter uma idéia do incremento, no ano passado, durante o período de 15 de novembro a 24 de dezembro, o faturamento foi de R$ 1,6 bilhão. Para 2010, a pesquisa aponta que o tíquete médio do setor foi de R$ 370 e que as categorias que tiveram os melhores resultados são: eletrônicos, informática, eletrodomésticos e livros. Para o público feminino, a maior parte das vendas foram no segmento de cosméticos e Beleza.

Ainda segundo a E-Bit, o comércio eletrônico deve fechar 2010 com R$ 15 bilhões de faturamento, um crescimento nominal de 40% ante 2009, quando a modalidade faturou R$ 10,6 bilhões.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Orçamento da União terá R$ 171 bilhões para investimentos

O relatório final da proposta orçamentária, entregue neste domingo (19) pela senadora Serys Slhessarenko (PT-MT), votado nesta quarta-feira (22) destina R$ 171 bilhões para investimentos no próximo ano. O número é 7,6% superior ao originalmente previsto pelo Executivo quando enviou o projeto ao Congresso. O aumento decorre do acolhimento de emendas parlamentares, no valor global de R$ 12,1 bilhões. Do total projetado, R$ 107,5 bilhões serão executados por empresas estatais, contra 94,9 bilhões estimados para este ano.
A senadora manteve o salário mínimo em R$ 540, como havia anunciado na semana passada, mas reservou R$ 1 bilhão para o programa Bolsa Família. Os recursos foram colocados na reserva de contingência do Ministério do Desenvolvimento Social e poderão ser usados para elevar a quantidade de beneficiários ou o valor do benefício – a decisão será do governo da presidente eleita Dilma Rousseff. Com isso, a dotação do programa pode chegar a R$ 14,4 bilhões em 2011. Serys também elevou as dotações para saúde, agricultura e Forças Armadas, entre outras áreas.
Redução de despesa
O parecer final confirma o corte de R$ 3 bilhões nas despesas, conforme solicitado pelo Executivo, sem especificar as áreas atingidas. A senadora incluiu, porém, um dispositivo que autoriza o governo a recompor as dotações atingidas ao longo do ano, caso haja recursos. Os cortes nos recursos de cada órgão foram feitos na reserva de contingência. Deste modo, a contenção é apenas “preventiva”, como explica a senadora em seu parecer, e não uma redução efetiva de gastos.
O substitutivo apresentado pela senadora Serys Slhessarenko fixa as despesas para o próximo ano em R$ 2,07 trilhões, e prevê receitas no mesmo montante. As despesas com a rolagem da dívida pública somam R$ 678,5 bilhões. Com isso, o orçamento efetivo de 2011, para ser gasto com investimentos e manutenção de todos os órgãos federais, é de R$ 1,39 trilhão.
De acordo com o relatório, 83% dos gastos primários (que excluem despesas com a dívida pública) são de origem obrigatória. Somente com pessoal eles somam R$ 199,8 bilhões no novo orçamento (já computado o aumento de ministros, deputados e senadores aprovado na semana passada), contra R$ 166,8 bilhões empenhados este ano. Apesar do crescimento, o valor de 2011 equivale a 36% da receita corrente líquida da União (RCL), bem abaixo do teto imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 50% da RCL.
Parâmetros
O texto apresentado mantém a maioria dos indicadores previstos pelo Executivo para 2011. O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) é estimado em 5,5%. O superavit primário do setor público ficou em 3,1% do PIB, o equivalente a R$ 117,9 bilhões, já contando com a exclusão do grupo Eletrobras do cálculo da meta. O resultado nominal foi projetado para 0,88% do PIB, contra 1,13% estimado para este ano. A inflação oficial foi projetada para ficar em 4,19%, contra 5,6% acumulados até o mês passado. Já o déficit da Previdência Social (setor privado) foi estimado em R$ 41,2 bilhões, contra quase R$ 45 bilhões em 2010.
O texto da lei orçamentária trouxe algumas modificações em relação ao projeto original. A relatora proíbe o Executivo de cortar, das ações orçamentárias, os valores incluídos por emendas individuais. O objetivo é evitar que o governo remaneje recursos acrescentados pelos parlamentares para áreas de seu interesse, esvaziando a importância das emendas. Segundo a senadora, a medida resguarda “a competência parlamentar de examinar a oportunidade e conveniência da aplicação dos recursos públicos”.

sábado, 18 de dezembro de 2010

Sem correção, tabela do IR faz com que brasileiro pague ainda mais

O Brasil ganhou 04 posições nos países que mais arrecadam impostos no Mundo, em 2008 o Brasil estava em 18º lugar, agora com 34,5% de impostos de tudo que o país produz, ficando em 14º lugar. Os países com maior taxa de impostos do mundo são Dinamarca (1º lugar, com 48,2%), Suécia (2º lugar, com 46,4%) e Itália (3º lugar, com 43,5%), países com os serviços públicos muito superiores aos do Brasil. A situação poderia ser melhor se o governo reajustasse a tabela do Imposto de Renda (IR) de acordo com a inflação, mas como todos nós sabemos, não é o que tem acontecido.
Para a maioria de nós, é um assunto complicado, cheio de cálculos, mas é muito importante saber, por que mexe com o bolso de cada um de nós, tem muita gente que não precisaria pagar e continua pagando, e quem paga, podia pagar menos. Nos últimos 15 anos os valores descontados de cada trabalhador foram reajustados sempre abaixo da inflação, esse ano foi ainda pior, a tabela não teve nenhuma correção, menor que seja. A tabela está defasada em 64%, porque ao longo de alguns anos não houve correção por parte do governo, e nesse momento com a não correção.
Com a intenção do governo de não corrigir a tabela para o próximo ano a situação fica pior ainda. Por exemplo, uma pessoa que ganha R$ 2.550,00, paga hoje R$ 101,56 por mês de IR, mas se a tabela fosse reajustada de acordo com a inflação dos últimos 15 anos, o valor seria bem menor, apenas R$ 11,26 por mês, uma pequena diferença de R$ 90,30 por mês. O que daria para uma família popular, ou seja, um casal e dois filhos, fazer a feira para uma semana.
Na Câmara Federal tramita um projeto para corrigir em 5,5% a tabela, se isso não acontecer o Leão (Governo) vai chegar mais guloso no ano que vem. O Brasileiro que já um dos povos que pagam uma das maiores cargas tributárias do Planeta, vai sofrer um aumento ainda maior de tributação no ano que vem, se não houver essa correção na tabela do IR. Significa que o brasileiro vai pagar uma carga tributária ainda maior, principalmente o assalariado.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Deputados aprovam reajuste de 61% nos próprios salários

Em tempo record a Câmara dos Deputados aprova o aumento do salário dos Deputados Federais, Senadores, Presidente da República, Vice-presidente da República e os Ministros de Estado (Federal), que pode chegar próximo dos 145% no caso dos Ministros. O valor do novo salário dessas classes será de R$ 26,7 mil (vinte e seis mil e setecentos reais), que ficará equiparado ao salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), e entrará em vigor a partir de fevereiro de 2011.
  
Analisando os fatos
A considerar o salário atual (R$ 16,5 mil), congressistas conseguiram um aumento de 61,8%, bem acima da correção da inflação contabilizada desde o último aumento, que equivaleria a 17,8%. O presidente da República e vice vão ampliar os ganhos em 133%, frente aos proventos que hoje estão na casa dos R$ 11,4 mil. Os ministros de Estado, por sua vez, saltam dos atuais R$ 10,7 mil para R$ 26,7 mil. Como o aumento foi feito por meio de um decreto legislativo, não há necessidade de sanção presidencial. Sendo assim, todos os eleitos nas eleições 2010 terão direito ao aumento a partir de fevereiro.
Ainda não há precisão sobre o impacto da medida no legislativo, mas números preliminares apontam um impacto anual de R$ 1,9 bilhão somente nas câmaras municipais e assembléias legislativas. Isso porque o salário de deputados estaduais e vereadores é fixado com base no que recebe um deputado federal. Essa conta varia de 20% (nos menores municípios) a 95% do que recebe um integrante da Câmara dos Deputados. Outro impacto nas contas públicas deve se dar no Executivo. Com o aumento dos proventos presidenciais, governadores e prefeitos devem ter reajuste em seus vencimentos.

Desigualdades e interesses
No 1º semestre deste ano, quando depois de muita briga, discussões e apelo dos aposentados, o Congresso Nacional aprovou o aumento do salário mínimo em 7,7%, quando para o Governo apenas a classe dos aposentados e pensionistas sofreria impacto aos cofres públicos estimado em R$ 1,6 bilhão anual. Então por que os congressistas demoraram tanto para aprovar o aumento do salário mínimo, mas para o próprio salário é tão rápido? E ainda, como previsto pelo próprio Governo, o aumento do mínimo causou aos cofres públicos um aumento de R$ 1,6 bi e já o próprio salário poderá chegar aos R$ 2 bilhões. Fica a lição.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

SENAC RN abre inscrições para curso de gestão de marketing em mídias sociais

O Senac está com inscrições abertas para o curso de Gestão de Marketing em Mídias Sociais, que acontecerá entre os dias 15 e 17 de dezembro, das 8 às 17h, no Senac Barreira Roxa. Serão oferecidas 40 vagas. O curso será ministrado pela especialista no assunto Martha Gabriel e atende a uma nova realidade, imposta pelo uso das novas mídias sociais - facebook; youtube; twitter; orkut, entre outras. O conteúdo da atividade irá abordar os conceitos e estratégias em mídias sociais; comportamento do consumidor; monitoramento, criação e gerenciamento de campanhas nas mídias sociais; marketing de busca e marketing em mídias sociais. O  investimento para o curso será de R$ 795,00, podendo ser dividido em até 12 parcelas no cartão Master ou 10 vezes nos cartões VISA ou Hiper. O almoço já está incluso neste valor e será oferecido nas dependências do Hotel Escola Senac Barreira Roxa. Para quem realizar a inscrição até o próximo dia 03, será contemplado com uma senha gratuita para a palestra "Estratégias Digitais de Marketing", que acontecerá no dia 14/12, das 19h às 22h, no Senac Barreira Roxa. Mais informações pelo telefone 4005-1000 ou pelo site www.rn.senac.br

Kelly Maia - Assessoria de imprensa Fecomércio - RN


Do Blog: É uma excelente oportunidade para que as empresas aprendam a utilizar dessas fortes ferramentas a alavancar o crescimento das empresas do RN. Conforme já postado no Blog, poucas empresas utilizam essas ferramentas para o seu marketing.

Produção de Camarão no RN já é menor que no CE

A criação de camarão perde força no Rio Grande do Norte num momento em que a demanda e a produção crescem nacionalmente e em que o volume exportado, por outro lado, fica cada vez menor. No país, o volume produzido deverá atingir 90 mil toneladas este ano, contra 65 mil de 2009. A expectativa era que a curva também fosse ascendente no RN, mas na prática não é isso que deverá acontecer.
A produção de camarão do Rio Grande do Norte deverá ficar em torno de 20 mil toneladas este ano, um volume 10,33% inferior ao do ano passado e que não só contraria as projeções de crescimento divulgadas pela Associação Brasileira dos Criadores (ABCC), no início do ano, como deverá significar para o estado perder o posto de maior produtor do Brasil. De acordo com o presidente da ABCC, Itamar Rocha, sentindo ainda as sequelas das últimas enchentes e com dificuldades para regularizar os licenciamentos ambientais e pedir financiamentos, o setor potiguar desacelerou e deverá ser ultrapassado de forma inédita pelo Ceará, onde a perspectiva é alcançar 30 mil toneladas, volume 50% maior que o de 2009. Os dois estados deverão concentrar 55,55% da produção nacional, de acordo com estimativas de Rocha.
O estado vai seguir na contramão do país, entre outros motivos, porque teve empresas desativadas ou com a produção reduzida como consequência das enchentes registradas em 2008 e 2009 e também das oscilações do câmbio. As enchentes que alagaram viveiros na região do Vale do Assu, provocaram uma série de prejuízos e acabaram “desmantelando a produção geral”, diz o presidente da ABCC.
Fonte: Jornal Tribuna do Norte

Do Blog: Sendo um dos principais produtos utilizados na culinária potiguar, assim como a carne de sol, esse problema na diminuição da produção poderá afetar o preço do mesmo nas pratileiras dos supermercados da região, porém, há um dado importante onde com a queda nas exportações, o mercado interno terá grande oferta de camarão, o que pode também ficar mais em conta para nosso consumo.

94% dos usuários brasileiros que visitam sites de comércio eletrônico fazem compras online

Relatório da comScore, consultoria especializada na mensuração de tráfego online, apontou que 88% das mulheres latinas fazem compras online de forma complementar às compras tradicionais. Em relação aos homens, o índice cai para 79%. A pesquisa entrevistou cerca de 800 pessoas no Brasil, México, Argentina, Chile e Peru. “Em relação a outras regiões globais, o comércio virtual na América Latina ainda está engatinhando, mas os consumidores estão mostrando fortes indícios de adesão a esse tipo de compra”, disse Alejandro Fosk, vice-presidente da comScore na América Latina.
A segurança ainda é o principal empecilho apontado pelos usuários na hora de realizar uma compra online. 68% das mulheres e 48% dos homens assumiram ter algum receio na hora de fazer realizar uma ação.
A preferência pela compra presencial é o segundo quesito que mais impede a realização de compras online, seguida das opções de pagamento, os custos do frete e da seleção dos produtos. 
Apesar dos empecilhos, 94% dos usuários brasileiros que visitam sites de comércio eletrônico fazem compras online.
Fonte: Portal Exame

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

E-mail personalizado com CPF é nova abordagem de phishing

Utilidade pública!
Mensagem usa os nomes e logomarcas dos grandes bancos brasileiros. São cada vez mais frequentes histórias de golpes utilizando o documento. A Karspersky, empresa privada de segurança da internet , alertou nesta terça-feira (23) que usuários brasileiros foram atacados por uma interessante mensagem de phishing na semana passada: a abordagem é feita apresentando o nome completo e o número do CPF da vítima, numa tentativa de legitimar a falsa mensagem, fazendo com que o destinatário acredite na mensagem e clique no link malicioso. A mensagem usa os nomes e logomarcas dos grandes bancos brasileiros e tanto no campo “assunto” quanto no corpo da mensagem apresenta o nome completo de quem a recebe, além do número do seu CPF. A posse desse número possibilita ao criminoso roubar a identidade da vítima e causar diversos prejuízos, ou em outro caso, produzir mensagens personalizadas de phishing como no caso a cima.

Vazamento de Dados
Essa não é a primeira vez que usuários brasileiros são abordados com esse tipo de golpe, que fazem uso de dados pessoais. No ano passado, clientes de uma empresa aérea foram alvo de mensagens maliciosas que mostravam não só o nome completo como também o número do cartão do programa de pontos por fidelidade.
O acesso a esse tipo de informação confidencial, geralmente, é causado a partir de incidentes de vazamento de dados, que podem ocorrer de diversas formas: desde um servidor invadido por cibercriminosos que roubam os dados ou pela perda de notebooks ou pendrives contendo informações corporativas. Infelizmente não existem muitas formas de se proteger, pois quando o usuário se cadastra em um site de comércio eletrônico e tal empresa sofrer um ataque, automaticamente os dados roubados permitem que todos se tornem vitimas em potencial.
No caso do CPF e outros dados do cidadão temos um cenário ainda mais grave, pois esse tipo de informação pode ser facilmente comprada pela internet ou em bancas de camelô.
Portanto, quando receber um e-mail, mesmo que exibindo seus dados pessoais, fique atendo e seja sempre cuidadoso.

Do Blog: Cuidado com e-mails recebidos de instituições financeiras, órgãos públicos e companhias aéreas, empresas desse tipo não enviam informações importantes por e-mail, quando receber este tipo de e-mail, se tiver dúvidas, entre em contato com o seu gerente ou pessoas que tem contato nessas instituições! Se ligue.
Abaixo segue exemplos de e-mails falsos de algumas instituições.




Mais de 1,2 milhões de páginas da Web estão infectadas

Depois de um tempo ausente devido problemas profissionais, estou retomando o Blog Cipriano Medeiros.

Sites considerados legítimos, como os governamentais, foram os principais alvos de cibercriminosos no último ano. A empresa de segurança Dasient divulgou um estudo que aponta um aumento no número de endereços infectados na web, que já ultrapassa a marca de 1,2 milhão de páginas.
A pesquisa foi realizada no terceiro trimestre de 2010, analisando o comportamento de ataques e malwares na rede durante este período. No ano passado, a empresa diz que havia identificado mais de 560 mil sites contaminados.
De acordo com o estudo houve um aumento no comprometimento de sites considerados legítimos por cibercriminosos. Páginas do governo têm sido o principal alvo para o envio de malwares. A pesquisa também aponta que serviços de e-mail baseados na web, como o Hotmail, Gmail e Yahoo!Mail costumam fazer a varredura dos anexos de forma imprecisa. Desta forma, crackers têm utilizado essa ferramenta com mais frequência para expandir seus ataques. A empresa ainda constatou que os falsos antivírus são um dos golpes que mais cresceram para distribuir códigos maliciosos. Rússia e China são os países de onde mais se originam os ataques.
A Dasient aposta que para 2011, os olhos dos cibercriminosos estarão mais voltados para redes sociais famosas como o Facebook e o Twitter. Em 2010 foram presenciados alguns ataques em larga escala, como a botnet Koobface e ataques que redirecionavam usuários do Twitter a sites pornográficos.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Será a queda do império Silvio Santos?

Na última terça-feira (09), o Banco Panamericano controlado pelo Grupo Silvio Santos, entrou com pedido de “empréstimo” de 2,5 bilhões de reais ao Fundo Garantidor de Crédito (FGC), com intuito de restabelecer o equilíbrio patrimonial e a liquidez da instituição financeira. Como garantia deste aporte, foram dadas todas as empresas participantes do Grupo Silvio Santos, sendo 44 empresas, inclusive as 5 principais, são elas, o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), a empresa de cosméticos Jequiti, a Liderança Capitalização (Tele Sena), as Lojas do Baú da Felicidade e o próprio Banco Panamericano. Essas garantias somam 2,7 bilhões de reais. Em dezembro de 2009 o Banco já havia vendido 49% do capital votante à Caixa Econômica Federal (CEF), por 739,2 milhões de reais.

O que aconteceu? O Banco Central (BC) detectou uma deficiência expressiva no patrimônio do Banco Panamericano, ou seja, uma fraude contábil e deu 30 dias de prazo para se buscar uma solução, que incluía capitalização, troca de controle ou intervenção da autoridade monetária, explicou o presidente do conselho de administração do FGC, Gabriel Jorge Ferreira.
O Grupo Silvio Santos terá 10 anos para quitar a dívida junto ao FGC, o grupo terá 03 anos de carência e a partir daí terão os 07 anos restantes, os títulos serão reajustados pelo IGP-M.
Considerado pelo próprio apresentador, Silvio Santos, como o principal negócio do Grupo, ele pode ser obrigado a vender o banco, que lhe gera uma receita anual de até 120 milhões de reais. A instituição ainda não foi colocada a venda oficialmente, mas essa pode ser a primeira e mais rápida maneira de recuperar o dinheiro.
Conforme informações do Portal Exame.com, numa conversa entre Silvio Santos e um executivo de um banco americano em 2008, o empresário brasileiro indagou, após, investida do americano em comprar o Panamericano, “trabalho todos os dias na televisão. Chego de manhã e saio tarde da noite. No fim do ano, a TV me rende, no máximo, 40 milhões de reais. Quanto ao banco, nunca fui lá. Mas todo ano me dá até 120 milhões de reais. Não quero vender”.
Agora, de acordo com reportagem no Portal Exame.com, “Silvio Santos estaria disposto a se desfazer do Panamericano. Desde que o BC apurou a fraude contábil, há cinco semanas, o empresário tem adotado uma postura bastante pragmática”. A venda do banco provocaria um forte impacto ao Grupo, pois, é o negócio mais importante e rentável.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Mantega diz que o Governo reduzirá os juros e os gastos públicos em 2011

Participando da reunião do G20, o ministro da fazenda, Guido Mantega, afirmou que a partir de 2011 será possível baixar os juros, mas não falou a qual patamar chegará os juros. O objeto principal desta redução será a redução nos gastos públicos, contudo outros fatores também influenciarão para este fato, como o controle da inflação, e a redução nos subsídios via BNDES. O ministro ainda ressaltou que no caso do BNDES, é preciso ações também da iniciativa privada, mas não detalhou o que poderá ser feito.
Mantega ainda ressalta que a alta da inflação segue devido à alta das comodities e dos alimentos, especialmente grãos como trigo e arroz. E que esta alta é motivada por uma “conjuntura internacional” e não questões locais.
Agora paremos para analisar os discursos do próximo governo. Dilma falou que os governistas querem o retorno da CPMF, ou CSS (Contribuição Social para a Saúde) o qual está em regime de análise no congresso nacional, e que é um assunto a se pensar. Por outro lado, vem Mantega e diz que haverá redução de juros.
O que o Governo está tentando fazer conosco? Bom, no meu ponto de vista, é que a criação de um tributo ou imposto a mais e a redução de juros, seria como uma balança de peso para amenizar os interesses da população, porém, eis a questão, por que não fazer uma reforma tributária condizente com as questões sócias do País, ou até mesmo uma fiscalização interna nas licitações e/ou projetos dos Governos para que os nossos representantes não desviem verbas para benefício próprio ou de terceiros? Por que não cria um mecanismo ou órgão de fiscalização interna, assim como estão fazendo com as empresas, aonde cada ano vêm mais Leis para recolhimento de impostos?
Tenho absoluta certeza e convicção que, com uma reforma tributária coerente e condizente com a situação do Brasil, as empresas recolherão seus impostos sem precisar da chamada “sonegação fiscal”.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

25% dos internautas se influenciam nas redes sociais

As redes sociais ajudam nas decisões de compra de 25% dos usuários de internet, segundo pesquisa do Ibope Mídia. O estudo, realizado em 11 regiões metropolitanas do País, mostrou ainda que 20% desses internautas afirmaram que compraram um celular ou mudaram de plano telefônico para acessar redes sociais com maior facilidade.
A maior parte dos entrevistados aprova ações de marcas nas redes sociais, afirmando se sentir confortáveis quanto às empresas usarem as redes para divulgar seus produtos ou serviços. Eles também aceitam facilmente as empresas a usar redes para analisar o comportamento dos consumidores e se comunicar com eles.
Por outro lado, o potencial da mídia social é inexplorado por empresas. A Universidade de Harvard fez uma pesquisa com 21 mil empresas e apenas 7% delas usam a mídia social em suas ações de marketing. A pesquisa ainda identificou que 75% das empresas não sabem o que seus clientes falam delas nas mídias sociais. A pesquisa indica ainda que as companhias que usam mídias sociais não chegaram a desenvolver atividades específicas para explorar seu potencial. E mais da metade respondeu que usa as redes, mas apenas 23% sabem o que seus clientes estão falando sobre a comapnhia.
Esas companhias se privam de saber sobre sentimentos negativos ou positivos sobre a companhia e não conseguem ter a dimensão da influência de alguém que está criticando ou elogiando. "Além disso, perdem a oportunidade de usar uma excelente ferramenta para medir o retorno de campanhas de marketing em tempo real, por exemplo", afirma Tom Davenport, responsável pela pesquisa.
A percepção de metade das empresas sobre o papel da mídia social é de que ela aumenta o reconhecimento da marca e de seus produtos por parte da audiência. Mas essa informação, combinado ao fato de que somente 25% das companhias acreditam que o uso das redes têm sucesso nesse objetivo, evidencia falhas estratégicas.
O futuro, no entanto, pode representar um movimento interessante nesse mercado. Dentre todas as companhias ouvidas, 36% planejam ter ferramentas que analisem sentimentos dos clientes nas redes sociais nos próximos dois a três anos. Além disso, 27% querem análises preditivas relacionadas à mídia social e 26% pretende ter meios de medir o impacto das conversas online.

Do Blog: Fica a dica para as empresas que desejam sair na frente e usar e abusar das redes sociais, mas com ressalvas e muito cuidado, pois como sabemos, tudo que te leva ao sucesso rápido, te derruba mais rápido ainda.

Entendendo um pouco mais sobre Tributos

Tributo é a obrigação imposta as pessoas fisicas e pessoas jurídicas de recolher valores ao Estado, ou entidades equivalentes (tribos e grupos revolucionários). É vulgarmente chamado por imposto, embora tecnicamente este seja mera espécie dentre as modalidades de tributos. Nos sistemas tributários capitalistas, somente o dinheiro é aceito como pagamento, subsistindo a corvéia em Estados tradicionais e pré-capitalistas.Os tributos formam a receita da União, Estados e Municípios e abragem impostos, taxas, contribuições e empréstimo compulsórios.Eles podem ser diretos ou indiretos.No primeiro caso, são os contribuintes que devem arcar com a contribuição, como ocorre no Imposto de Renda.Já os indiretos incidem sobre o preço das mercadorias e serviços.

Abaixo segue a lista de Tributos vigentes no Brasil.
Impostos federais
  • Imposto sobre a importação de produtos estrangeiros (II)
  • Imposto sobre a exportação de produtos nacionais ou nacionalizados (IE)
  • Imposto sobre a renda e proventos de qualquer natureza (IR)
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)
  • Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários (IOF)
  • Imposto Territorial Rural (ITR)
Sem regulamentação
  • Imposto sobre Grandes Fortunas (IGF) - previsto na Constituição, mas ainda falta regulamentação por lei complementar - Esse imposto não existe, de acordo com o Código tributário Nacional, não é passível de cobrança sem a devida regulamentação por Lei Complementar.
Impostos estaduais
  • Imposto sobre operações relativas à Circulação de Mercadorias e prestação de Serviços de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicação (ICMS)
  • Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA)
  • Imposto sobre Transmissões Causa Mortis e Doações de Qualquer Bem ou Direito (ITCMD)
Extinto
  • Adicional do Imposto da União Sobre a Renda e Proventos de Qualquer Natureza (AIRE)
  • *CPMF - Contribuição Provisória sobre Movimentação ou Transmissão de Valores e de Créditos e Direitos de Natureza Financeira - extinta desde 1 de janeiro de 2008.
  • Imposto sobre Vendas a Varejo de Combustíveis Líquidos e Gasosos (IVVC)
Impostos municipais
  • Imposto sobre a Propriedade predial e Territorial Urbana (IPTU)
  • Imposto sobre Transmissão inter vivos de Bens e Imóveis e de direitos reais a eles relativos (ITBI)- De acorodo com o Artigo 156 da CF- Brasileira: só a transmissão onerosa, de Bens Imóveis como Compra e Venda, por aquisição e incorporação, e ainda a transmissão real de direito sobre imóvel, pertencem aos Municípios.
  • Impostos sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS ou ISSQN).
Contribuições trabalhistas ou sobre a folha de pagamento
  • Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)
  • PIS/PASEP
Contribuições sobre o faturamento ou sobre o lucro
  • Contribuição Social para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS)
  • PIS/PASEP
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL)
Contribuições sobre as importações
  • Contribuição Social para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS)
  • Programa de Integração Social (PIS)
Contribuições para o sistema "S"
  • SEBRAE, SENAC, SENAI, SENAT, SENAR, SESI, SESC, SEST, SESCOOP
Do Blog: Será que o governo ainda acha pouco esses tributos, e ainda falar em voltar a CPMF?
 

domingo, 7 de novembro de 2010

Motores da economia no Brasil são contra o retorno da CPMF

Os principais impulsionadores da economia do Brasil são contra o retorno da CPMF, conforme entrevista ao InfoMoney, os presidentes das principais entidades empresariais do País, falaram da preocupação com o retorno do imposto. Como no post abaixo, falei da reforma tributária como uma saída para ajuste dos impostos e desmembramento de verbas para as principais necessidades dos brasileiros, o que não é somente uma opinião minha, visto que, todos os entrevistados e os principais especialistas do mercado são contra este retorno, uma vez que influenciará diretamente no lucro das empresas.
O Brasil já é o país com o maior índice de impostos do Mundo, e a criação de mais um imposto não está agradando a todos, em nota a FECOMERCIO/SP abriu a discussão, “é extremamente complicado falar sobre o aumento de impostos no Brasil, quando nós temos uma carga tributária extremamente elevada que penaliza todo o sistema comercial e empresarial brasileiro. Esse é o momento de se debater sobre uma reforma tributária mais ampla e não de voltar a falar na criação de um novo tributo. A retomada desse assunto é inaceitável em um momento de tantas transições políticas e econômicas no mundo todo e de dificuldades para as empresas brasileiras voltadas à exportação”, afirmou o presidente da Fecomercio, Abram Szajman.
O setor da indústria também está se mobilizando contra a CPMF, representada pela FIESP, que emitiu nota oficial ressaltando que “a presidente Dilma demonstra sensibilidade e consciência necessárias para buscar esse importante objetivo. Afinal, menos impostos significa menos informalidade, menos sonegação, mais competitividade, mais crescimento e, com isso, a geração de novos empregos e renda para a população".
Ainda a CNDL (Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas) informa que irá mobilizar todas as FCDLs e CDLs do Brasil para que este ato não ocorra, conforme segue a nota oficial do órgão. “Os varejistas não aceitarão o retorno da CPMF. Os governos devem repensar sobre esse tributo. Vamos mobilizar nacionalmente o movimento lojista contra a volta da CPMF”.
Todos estes comentários e notas, seguem o que comentei no post anterior, onde não será apenas os empresários que sofrerão com mais este imposto, mas também toda a população, visto que o valor real do seu salário cairá ainda mais, pois, ao ser depositado em sua conta bancária, já será debitado o valor do imposto.

Conheça um pouco mais sobre a CPMF (Contribuição Permanente sobre Movimentação Financeira), que quando foi criada, a sigla representava Contribuição Provisória, este imposto foi criado no primeiro mandato do ex-presidente Fernando Henrique (PSDB) e criticado fortemente pela então oposição de Lula (PT), com intuito de auxiliar no desenvolvimento da saúde com verba de R$ 40 bilhões ao ano. Em 2007, já com o governo do Lula (PT) a CPMF foi extinta, tida como a maior derrota do governo do PT, que já não era mais contra o referido imposto, e que nunca engoliu essa derrota, quando a oposição do PSDB e PFL (atual DEM) conseguiram derrubar a CPMF. Agora a presidente eleita Dilma, pretende entrar com pedido de retorno deste imposto, porém, desta vez já recebe apoio de um governador de oposição, o governador eleito de Minas Gerais.

sábado, 6 de novembro de 2010

Governistas querem volta da CPMF? Hã?

O jornal Correio Brasiliense, em sua edição de ontem, informou que 13 governadores eleitos e reeleitos da base aliada ao governo Lula, e 1 da oposição estão a favor do retorno do imposto para a eduação. Isso vai em confronto com o que foi dito, prometido, relafado, gritado em todos os cantos do Brasil durante a campanha deste ano, porém, apenas uma semana depois, vem a notícia.
Lembro-me, apesar de na época ser muito novo, que a CPMF foi criada para financiar os gastos (custos e despesas) com a saúde pública, mas que com o passar dos anos foi direcionada para outros fins, e em 2007 foi abolida pela Câmara Federal e o Senado.
Mas como o governo arrecadar verba para financiar a saúde no Brasil? No meu ponto de vista, muito simples, basta os representantes do povo deixarem de desviar verbas públicas para financiamento próprio, e pensar numa reforma tributária eficiente, numa fiscalização mais rígida, como estão fazendo com as empresas com a obrigatoriedade de emissão da NF-e, SPED Fiscal e Contábil, PAF-ECF, entre outras que virão em breve, assim teria como arrecadar verbas para todas as necessidades da população. Mas por que não fazem isso? Eis a questão!
Se formos fazer uma análise da redução o IPI ao final de 2008 até meado de 2010, com produtos de construção civil, móveis, linha branca, entre outros, as empresas faturaram muito mais, e qual a razão disso? Com a isenção dos impostos, as empresas que não faturavam notas fiscais em sua plenitude, ou seja, nota completa, mais conhecida no meio empresarial, começaram a faturar e com isso o faturamento da empresa aumentou significativamente, e com a baixa dos preços desses produtos, começaram a faturar com nota completa ou nota cheia, consequentemente, aumentando o faturamento dessas empresas. Porém, com a isenção, o governo deixou de arrecadar muito dinheiro, estima-se em alguns bilhões de reais em impostos, e que também afetou as prefeituras, principalmente as menores, que sobrevivem basicamente do repasse que o governo federal faz a esses municípios.
Para não alongar muito esse post, temos que observar bem o que irá acontecer na política econômica do Brasil, não vamos olhar apenas às Bolsas que são geradas, mas também aos impostos que pagamos ao governo para não termos uma educação e saúde de qualidade!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

TOP Natal 2010 vem ai!


Logo do evento 2009!
O principal evento de marketing e relacionamento do RN acontecerá no dia 18 de novembro, quinta-feira, no Olimpo Recepções, trata-se do TOP Natal 2010, na sua 9ª edição, o evento premia as empresas mais lembradas em 36 segmentos de produtos e/ou serviços, o que reconhece o trabalho das equipes de marketing dessas organizações. O evento é realizado pelo jornaç Tribuna do Norte e a Consulting Pesquisa, com patrocínios da Assembléia Legislativa, SEBRAE/RN, sistema FIERN e sistema FECOMERCIO.

A importância da pesquisa de mercado
A pesquisa de mercado é uma ferramenta muito útil para qualquer empresa, podendo auxiliar no gerenciamento das atividades de implantação de projetos e planejamento do negocio. O bom desempenho do negocio é definido a partir de quanto mais informação tiver a respeito do mercado em que irá atuar. Só assim será possível conhecer o cliente e reconhecer suas necessidades, saber onde estão seus principais clientes potenciais e conhecer a concorrência, fornecedores e as principais ameaças que o ambiente proporciona à empresa. É possível também reconhecer os pontos fortes e fracos da concorrência e poder comparar com os pontos fortes e fracos da empresa.
Assim, às empresas vencedoras e principalmente as que não conquistaram o TOP Natal 2010 poderão identificar quais motivos a levaram à colocação nessa pesquisa, e com base nessas informações, tomarem decisões para o crescimento da organização. Como sempre falo, Marketing e Tecnologia da Informação não geram custos à empresa, e sim investimento, uma vez que estes sejam bem aplicados!

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Quando você abre seu e-mail tem aquele monte de e-mails marketing? Saiba como acabar com isso!

O que você acha de uma ferramenta que cancela sua inscrição em todos aqueles sites de produtos e serviços que já se cadastrou e não sabe como fazer para deixar de receber os e-mails marketing? Então conheça o UNSUBSCRIBE, um serviço que permite a exclusão do seu endereço de e-mail de qualquer lista com um simples clique!
Quando navegamos na internet nos cadastramos em diversos sites que tem parceiros e não percebemos no cadastro que no cantinho abaixo já está marcado para recebermos e-mails marketing desses parceiros e acabamos confirmando, e ao abrir diariamente nossa caixa de e-mail recebemos aquele monte de e-mails indesejados, esta ferramenta veio para ajudarmos a deixar nossas caixas de e-mails livres desses indesejados.
Mas, por enquanto, a ferramenta só está disponível para quem utiliza apenas o Outlook ou o Gmail, para os demais provedores de e-mail como Yahoo, Hotmail já está fase de desenvolvimento.
Para saber como utilizar  a ferramenta acesse o link a seguir: Olhar Digital

Internet Explorer 9 mesmo em estágio beta, já alcança 10 milhões de downloads

Com menos de dois meses de lançamento, o navegador Internet Explorer 9 chegou aos 10 milhões de downloads, fato comemorado, pois esses dados mostram a aceitação dos internautas e empresas ao novo navegador da Microsoft, que por sua vez deseja entrar novamente na guerra dos navegadores com esse nove modelo.
O projeto foi desenvolvido baseado nos navegadores Chrome e Safari, principais concorrente do IE, com uma interface bastante modificada do padrão Microsoft. No IE9, também foi incorporado um novo motor JavaScript, o Chakra, que deixa seu navegador muito mais eficiente, chegando a ser 11 vezes mais rápido e consumir 50% a menos de memória do PC que o navegador atual IE8, portanto, o IE9 está preparado para rodar serviços ricos de WEB, como os games e páginas pesadas.

Do blog: Ainda não pude instalar o IE9 para testar e indicar para vocês que acompanham o Blog do Cipriano Medeiros, mas para quem é amante e defensor do IE vale a pena instalar e testar as novidades.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Máquinas Voadoras

Você tem curiosidade de como funciona o comando de uma torre de controle de aerportos? Ou gostaria de acompanhar em tempo real o pouso ou decolagem do vôo de algum parente ou amigo? Então está aqui o site que você queria ver, no site Máquinas Voadoras você pode fazer tudo isso!O site criado pelos fotógrafos Juan Gelb, Edson Yui e Mauro Donati, tem como objetivo divulgar fotos de eventos aérios, informações sobre vôos e ainda disbonibiliza um radar que o internauta possa acompanhar em tempo real todos os vôos que estão pousando ou decolando nos aeroportos de Guarulhos e Congonhas.
Clicando no "Botão" RADAR o navegador abrirar uma nova janela onde o você irá selecionar qual dos dois aeroportos deseja acompanhar, após selecionar, abrirar o radar que é gerado na tela dos controladores de vôos, e ainda pode ouvir as conversas entre os controladores e os pilotos das aeronaves.
Acesse o site Máquinas Voadoras e confira!!!
Então, acesse, curta e deixe seu comentário.
Do blog: Este post foi uma solicitação do amigo Helynathan, o qual trabalha comigo e é um apaixonado por aviação. Então faça como Hely, se tiver algum assunto relacionado a tecnologia ou negócios que tenha interesse em conhecer melhor, ou até mesmo divulgar algum produto/serviço, mande sua sugestão de post, será bem vindo!

Celulares já existem em dois terços no mundo

O levantamento realizado pela ONU indica que mais de dois terços da população mundial tem um celular. A ONU ainda aposta que o uso do celular pode se tornar uma arma importante para o combate à pobreza, pois, este aparelho está revolucionando a forma pela qual seus usuários podem tomar decisões em diversos fatores, como preços de mercado, meteorologia, negociações, entre outras, recebidaspelo celular.
Atualmente, estima-se que 86% da população do planeta tem cobertura de sinais de celular. Outro dado importante que surpreendeu até a ONU, é que cerca de 1 bilhão de pessoas no mundo que não tem conta em bancos têm celular na mão. Ao fonal deste ano, 5 bilhões de pessoas devem ter celular, dos 6,6 bilhões de habitantes do planeta. Nos países ricos, a taxa média de uso é de mais de 100%, ou seja, cada pessoa tem mais de um aparelho celular. Nos países emergente a taxa média é de 58%.
De forma geral, a penetração da nova tecnologia passou de 60% em 2008 para 68% no ano passado, e a expectativa é de crescimento.
Um ponto importante nesta análise é que o número de telefones fixos estão cada vez menor, a estimativa é que exista 1,2 bilhões de telefones fixos instalados, o que não vem aumentando nos últimos anos.

Do blog: Podemos constatar essa análise em nossa realidade, ao receber a lista telefônica na semana passada, pude perceber a diferença com a do ano passado, diminuiu bastante a lista. Outro ponto é o número de celulares que andamos, a maioria de nós temos pelo menos 1 aparelho, alguns com esses de 2 chips, o que constata a pesquisa realizada pela ONU.

Comportamento de usuários do Twitter e Google ajudam no comportamento de ações

De acordo com uma pesquisa realizada por pesquisadores da University Bloomington, Indiana, EUA, divulgada em 18 de outrubro deste, mostra que o comportamento dos usuários das principais ferramentas de interatividade na internet, Twitter e Google, auxiliam na previsão do comportamento das ações da Dow Jones (Bolsa de valores de New York).
A pesquisa revela que esse comportamento pode gerar uma previsão com 86,7% de precisão com antecedência de 4 dias. A pesquisa foi realizada pelos cientistas Johan Bollem e Huina Mao, que examinaram 9,8 milhões de tweets de 2,7 milhões de perfis aleatórios usando as palavras "eu sinto" ou "estou me sentindo" (I fell e I´m feeling), entre março e dezembro de 2008. Quando então perceberam a relação com a oscilação da Dow Jones, com antecedência de três ou quatro dias.
Para testar o padrão, a dupla de pesquisadores aplicou um algoritmo baseado em dados do mercado, e obteve 73,3% de precisão. Ao adicionar os dados do twittter, a correspondência aumentou para 86,7%.
Algumas outras pesquisas desse tipo já foram usadas para identificar o comportamento de outros setores da economia, como a taxa de desemprego. De acordo com pesquisadores e especialistas no assunto, essa onda será crescente no que diz respeito a análise do comportamento das pessoas para tomada de decisões em diversos segmentos, o que confirma cada vez mais que essas ferramentas chegaram para ficar e serão aprimoradas para resultados.

Obs.: Será que a Google irá utilizar essa ferramenta para os usuários analisarem os indicadores de mercado online, cobrando uma taxa mínima de acesso?

sábado, 30 de outubro de 2010

Natal recebe a Feira do Empreendedor

Como diz o slogan do evento, “Bons ventos para o seu negócio”, a Feira do Empreendedor é um evento muito importante para o mercado local, onde acontecerá mini cursos, palestras, roda de negócios, exposições de empreendedores locais, abertura para novos negócios, ou seja, o evento é voltado para todas as pessoas que desejam conhecer as novidades que o mercado local e para quem tem o objetivo de abrir seu próprio negócio.
A Feira do Empreendedor 2010 será realizada no Centro de Convenções de Natal, durante os dias 04, 05, 06 e 07 de Novembro, um projeto do SEBRAE/RN, órgão responsável pela capacitação e consultoria aos empreendedores iniciantes no mercado e na abertura de novas empresas.
Conforme entrevista ao Jornal Tribuna do Norte, o coordenador geral da Feira do Empreendedor no Rio Grande do Norte, Eduardo Viana, enfoca que neste ano o evento ocupará todas as instalações do Centro de Convenções, exceto o Pavilhão das Dunas. “Em um único local, vamos disponibilizar uma gama de informações para quem deseja empreender, montar um negócio ou diversificar a atuação no mercado”, confirma Viana.
De acordo com o site do evento, o visitante irá encontrar: CENTRAL DE CAPACITAÇÃO COM PALESTRAS; Seminário sobre TENDÊNCIAS DE NEGÓCIOS, MOSTRA INTERATIVA DAS TENDÊNCIAS DE NEGÓCIOS, SALÃO FRANQUIAS, SALÃO MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS, SALÃO OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DIVERSOS, SALÃO NEGÓCIOS DO TURISMO, SALÃO ECO NEGÓCIOS, PAINEL DE OPORTUNIDADES E CLASSIFICADOS DE NEGÓCIOS, ESPAÇO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL, EMPÓRIO SEBRAE COM GRANDE VARIEDADE DE PRODUTOS, CENTRAL DE ATENDIMENTO AO EMPREENDEDOR, CARAVANAS EMPRESARIAIS DE TODO O RN, LIVRARIA E CINE SEBRAE, ESPAÇO SABOR E GASTRONOMIA, ESPAÇO CULTURAL.
O SEBRAE irá disponibilizar um ônibus “GRATUITO”, que sairá a cada 30 minutos em frente à loja Agaé vizinha ao Natal Shopping, e também na saída do evento. Ou seja, não é por que é longe, não tem acesso de ônibus que você vai deixar de participar.
Faça sua reserva com antecipação no site do evento: Feira do Empreendedor
Acompanhe também o blog do Empreendedor e tenha maiores informações: Feira do Empreendedor RN